Home » Informações Gerais » Tristeza nas comemorações do Dia do Garçom

Tristeza nas comemorações do Dia do Garçom

A segunda – feira, 10 de agosto de 2015, tinha tudo para ser só de festa para os trabalhadores de rede hoteleira do Piauí, pois a data foi o dia reservado para festejar o Dia da Hotelaria, comemorado em 29 de julho, e o Dia do Garçom, comemorado em 11 de agosto. Mas, as comemorações foram interrompidas por causa da morte de um dos colaboradores do SINTSHOGASTRO Piauí – Sindicato da Hotelaria, o senhor Batista.

João Batista Almeida era caseiro do Clube da Hotelaria e passou mal, por volta das três e meia da tarde. Então, foi ao apartamento onde morava dentro do clube e não voltou mais para festa. Quando a esposa dele foi ver o que estava acontecendo o encontrou caído próximo à cama já sem vida.  “ Seu” Batista teve um infarto fulminante.

O que era festa se tornou em uma grande comoção para a categoria.

João Batista Almeida tinha 54 anos de idade, natural de Caxias, no Maranhão, e deixa viúva Vera Lúcia Vieira de Matos. O casal não tinha filhos. Ele era irmão de José Almeida da Silva, conhecido como Pônei, integrante da banda piauiense Xenhenhem.

20150810_194134

O velório está acontecendo no Clube da Hotelaria, que fica na avenida Ministro Sérgio Mota, no Parque Wall Ferraz, região da Santa Maria da Codipi, norte de Teresina. O sepultamento vai ser na tarde desta terça – feira, 11, em União, no povoado Bebedouro, onde mora a maior parte da família dele.

 

Assindi